Telefones

Created by Susannanovafrom the Noun Project

BR France Taguatinga

QS. 01 - Rua 212 - Lotes 19 St. de Concessionárias Águas Claras - Taguatinga (DF)

AGENDAMENTO DE SERVIÇOS

(61) 3773-4442

PEÇAS E ACESSÓRIOS

(61) 3535-1015

VENDA DIRETA

(61) 3535-1039

GERAL CONCESSIONÁRIA

(61) 3535-1000

BR France Colorado

Trecho 01 Av. Comercial Lote 04, Subida do Colorado - Taquari (DF)

AGENDAMENTO DE SERVIÇOS

(61) 3773-4442

PEÇAS E ACESSÓRIOS

(61) 3535-1077

VENDAS DIRETAS

(61) 3535-1083

GERAL CONCESSIONÁRIA

(61) 3535-1000

BR France Gama

Quadra 01 Nº 940 Loja 02 - Setor Industrial - Em frente ao Corpo de Bombeiros

Geral concessionária

(61) 3535-1010

Home Blog

Blog BR France

6 erros que desvalorizam um carro na hora da revenda

Uma das coisas que mais preocupam as pessoas que têm o hábito de trocar de carro de tempos em tempos é a desvalorização do veículo. Só de sair da concessionária, o carro já sofre uma perda de valor, situação essa que pode se tornar pior em alguns casos.

Quais são os principais fatores de desvalorização e como fazer para evitar isso? Acompanhe o post na íntegra e saiba como não sofrer com esse problema futuramente.

1. Troca da pintura
Uma das coisas que mais contribui com a desvalorização do veículo na hora da revenda é a troca da cor do carro. A explicação para isso é bem simples. O que o mercado mais valoriza na negociação de um veículo usado é o quanto ele possui de itens originais bem conservados. Dessa forma, alterar a pintura do veículo, caso você deseje vender o carro um dia, por mais que o deixe mais bonito de acordo com a sua opinião, pode lhe causar um grande prejuízo financeiro na revenda.

2. Remoção de itens originais de fábrica
A desvalorização do veículo ao remover itens originais de fábrica tem muito a ver com o que descrevemos no tópico anterior. Normalmente, o comprador de um veículo usado tem o desejo de que ele pareça tão similar a um veículo recém-saído da fábrica quanto possível, e alterar peças originais inviabiliza isso completamente.

Uma solução para a deterioração ou quebra das peças que vieram de fábrica com o veículo é a aquisição de peças originais junto às concessionárias.

3. Batidas e arranhões
Outra coisa que atrapalha consideravelmente os seus planos de vender bem o seu carro usado é a quantidade de batidas e arranhões que a lataria dele possui. Deseja negociar seu veículo por um valor satisfatório quando chegar a hora de trocá-lo por um novo? Simples. Tenha o máximo de cuidado ao dirigir ou estacionar o seu veículo, como forma de evitar colisões ou marcas indesejadas na pintura.

4. Multas ou documentação atrasada
Coloque-se no lugar de um comprador de um veículo usado. Você gostaria de adquirir um carro que lhe trará a dor de cabeça de ter que cuidar de situações envolvendo multas e quitações de valores referentes à documentação? Só se o valor estivesse bem abaixo do mercado, certo? Por isso, mantenha os compromissos envolvendo os pagamentos obrigatórios do seu carro se não quiser perder dinheiro ao revendê-lo.

5. Problemas mecânicos
Ainda falando a respeito de problemas envolvendo as “dores de cabeça” deixadas como herança pelo antigo dono do carro, uma das que mais incomoda os compradores é ter que mandar o veículo para reparos antes de poder usá-lo de forma satisfatória. Como na situação anterior, o futuro proprietário do seu carro só aceitará bem essa condição se ganhar um baita desconto na compra do seu automóvel, o que não soa nada bem, não é?

6. Quilometragem alta
Algo que é inevitável em alguns casos, mas é também inegável que interfira no valor de revenda de um veículo, é uma quilometragem alta. O que pode ser feito para que você não tenha problemas com essa questão é tentar diminuir o tempo que você permanece com o automóvel. Entre 3 e 5 anos é o período ideal para que você pense em trocar seu carro e minimize problemas com a desvalorização do veículo.

Tendo atenção aos itens descritos nesse post, as chances de que você faça uma boa negociação na hora de revender seu carro aumentam consideravelmente. Na maior parte dos casos, basta um pouco de cuidado e disciplina para preservar um bem tão importante quanto o seu veículo.

Gostou das dicas de hoje? Agora que você já sabe como evitar a desvalorização do veículo, não perca mais nenhum conteúdo! Curta a nossa página no Facebook!

Compartilhe essa notícia

Voltar

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba em primeira mão as melhores ofertas!

Envie uma mensagem pra gente

Adicione nosso número

(61) 4000-1618

Adicionamos você também

(61) 3535-1000